A Rede Norte Amazônica Santander, que começou a operar em Janeiro deste ano, com o projeto de abertura de 33 agências nos Estados de Amazonas, Acre, Rondônia e Roraima até 2023 vai gerar cerca de 200 empregos diretos e oportunidades de negócios para todas as classes sociais 


O banco Santander inaugurou na quinta-feira (17), sua nova agência Ponta Negra, na cidade de Manaus, com serviços modernos e um olhar voltado para os pequenos, médios e grandes negócios, com o objetivo de impulsionar o desenvolvimento da região. O espaço fica localizado na Avenida Coronel Teixeira, Ponta Negra, zona Oeste da Capital.

Com uma mega estrutura de 300m2, a agência oferece um alto atendimento digital, com um time de sete pessoas vocacionadas para negócios, buscando uma proximidade real com o cliente, não somente na loja, mas no dia a dia.

Contando com a presença do Superintendente executivo da Rede Norte Amazônica, Antonio Areias, que comenta sobre a expansão do banco no Amazonas, após a recém criada Rede Norte Amazônica Santander, que começou a operar em janeiro deste ano, com o projeto de abertura de 33 agências nos Estados de Amazonas, Acre, Rondônia e Roraima até 2023.

De acordo com Antonio Areias, a intenção é dar ao banco a "cara" da região, o que explica a aposta na interiorização. Com isso, o banco contratou um RH local, para dar oportunidade aos talentos da região. O projeto de expansão visa contratar em torno de 200 pessoas locais para ajudar no processo de “bancarização”.

A superintendência, além do objetivo de expansão, trabalha também a proximidade com o público, para a partir disso entregar políticas, produtos e serviços diferenciados no Estado. Com um mapeamento já planejado através da interiorização, além de Manaus, o Município de Manacapuru e Tefé também estarão recebendo a chegada de agências.



“Já está mapeada a agência em Manacapuru, que é um Polo importantíssimo, a terceira maior cidade do Estado, que agrega serviços para outros Municípios menores. Assim, como também, em Tefé, outro Polo Importantíssimo na cidade. Levando para esses Municípios, que ainda não são atendidos pelos serviços bancários do Santander, produtos e serviços diferentes”, disse Janderson Freitas, gerente Regional.

Com isto, a Rede pretende atuar a partir do entendimento das oportunidades e desafios locais para aprimorar e fazer chegar crédito aos produtores locais.

“O objetivo é entregar também para este Estado uma agência de serviços modernos, como esta na Ponta Negra, para o público voltado aos negócios”, afirmou o gerente Regional.

A nova Rede Norte Amazônica é estratégica para fomentar negócios na região e tem a sustentabilidade como um grande vetor. Além de proporcionar uma expansão da atividade comercial na região, a Rede Norte Amazônica vai atuar a partir do entendimento das oportunidades, demandas e desafios locais para fazer chegar crédito a empreendedores e negócios que compreendam o valor do desenvolvimento sustentável e da preservação da Floresta Amazônica.


Via Opinião Manauara
Em tempos de "censura" com o jornalismo independente precisamos da ajuda do nosso leitor para nos manter online. Agora você pode apoiar o Amazon Presse através do PIX: 32.688.550/0001-31. Colabore!
Postagem Anterior Próxima Postagem