A 4ª fase da "Operação Sangria" que vem sendo realizada no Amazonas cumpriu um total de 19 mandados de busca e apreensão e mais 6 mandados de prisão temporário de 5 dias podendo ser prorrogadas por mais 5 dias ou convertidas em prisões preventivas


Foram detidos nesta fase da operação:

Rafael Garcia da Silveira - empresário que tem contratos supostamente superfaturados com o governo do Amazonas

Carlos Henrique Alecrim John - empresário que tem contratos supostamente superfaturados com o governo do Amazonas

Nilton Costa Lins Júnior - empresário dono do complexo hospitalar alugado supostamente superfaturado pelo Estado que serviu como hospital de campanha

Marcellus Campelo - secretário de Saúde do Amazonas que acabou de se entregar a PF

Frank Andrey Gomes de Abreu - empresário que tem contratos supostamente superfaturados com o governo do Amazonas

Sérgio José Silva Chalub - empresário que tem contratos superfaturados com o governo do Amazonas para procedimentos de diagnóstico de imagem.


Em tempos de "censura" com o jornalismo independente precisamos da ajuda do nosso leitor para nos manter online. Agora você pode apoiar o Amazon Presse através do PIX: 32.688.550/0001-31. Colabore!
Postagem Anterior Próxima Postagem