Presidente Jair Bolsonaro participou da solenidade que marca o início do comando do general Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira

Solenidade de transmissão do comando do Exército foi promovida em Brasília (DF) - Foto: Marcos Corrêa/PR


O Presidente da República, Jair Bolsonaro, participou, nesta terça-feira (20), da solenidade de transmissão do comando do Exército, em Brasília (DF). A cerimônia teve a participação do Vice-presidente, Hamilton Mourão, ministros e militares.



O general de Exército Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira assumiu o comando transferido pelo general de Exército Edson Leal Pujol com a passagem da réplica da invicta espada de campanha de Duque de Caxias, que é o patrono do Exército Brasileiro.

Em discurso na cerimônia, o ministro da Defesa, general Walter Braga Netto, deu boas-vindas ao novo comandante do Exército, Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, e agradeceu os trabalhos prestados por Edson Leal Pujol, citando realizações do Exército nos últimos anos, sob o comando dele.

“Na condução da força terrestre, manteve a agenda alinhada à política e à estratégia nacional de defesa, otimizando e racionalizando os investimentos e os efetivos”, afirmou. “O Braço forte e a mão amiga seguirá coeso, disciplinado como sólido alicerce da conquista dos objetivos fundamentais previstos na Constituição Federal. Exército invicto, que, sob a espada de Caxias, sempre foi decisivo e leal aos anseios do povo brasileiro ", ressaltou o ministro.

Aos presentes, Braga Netto destacou a importância do Exército Brasileiro, ao lado das demais forças. “O Exército, assim como a Marinha e a Força Aérea, mantém o foco na concepção estratégica da defesa e da proteção daquilo que temos de mais importante para o Brasil, a nossa gente, a nossa soberania. Como evidenciado em nossa rica história, as Forças Armadas estão sempre prontas a defender a Pátria, fortalecer a democracia e garantir a liberdade do nosso povo.”


Militares na proteção ao meio ambiente

O ministro da Defesa afirmou que, em meio à crescente preocupação com a conservação da Amazônia, ninguém melhor que as Forças Armadas para conservá-la. E citou o emprego dos militares nas operações Verde Brasil 1 e 2.

“Atingiram o objetivo de aumentar a efetividade no combate aos ilícitos e à redução no número de queimadas e desmatamento. O Governo tem o compromisso e metas para o desenvolvimento sustentável”, frisou o ministro Braga Netto.



Histórico

O comandante do Exército, Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, nasceu em 28 de agosto de 1950, em Iguatu (CE). Incorporou às fileiras do Exército em 1974, na Escola Preparatória de Cadetes do Exército (EsPCEx). Ingressou na Academia Militar das Agulhas Negras e também foi instrutor na instituição.



Confira como foi a solenidade: 




Em tempos de "censura" com o jornalismo independente precisamos da ajuda do nosso leitor para nos manter online. Agora você pode apoiar o Amazon Presse através do PIX: 32.688.550/0001-31. Colabore!
Postagem Anterior Próxima Postagem