Wilson Lima "prevaricou' ao desativar Hospital de Campanha Fanta e deixar faltar oxigênio nos hospitais. Quem abre as vagas e transfere é o Governo Federal via Ministério da Saúde em conjunto com as Forças Armadas e os Governos dos outros Estados. Se não fosse o trabalho sério das Forças Armadas e a sensibilidade dos governadores iam morrer cerca de 1000 pessoas por dia no Amazonas


15 pacientes foram transferidos de cinco unidades de saúde da capital para o estado da Paraíba, todos embarcaram após avaliação médica

O Governo Federal transferiu 15 pacientes, na tarde deste domingo (07/02), para a cidade de João Pessoa, capital do estado da Paraíba, com objetivo de dar sequência ao tratamento da Covid-19 e desafogar o sistema de saúde do Amazonas. A operação é realizada desde o dia 15 de janeiro, por meio do Plano de Cooperação firmado entre o Governo Federal e o Governo do Amazonas.

O embarque ocorreu às 13h, no Aeroporto de Ponta Pelada, zona sul de Manaus. Todos os pacientes passaram por uma última avaliação médica e seguiram viagem para a cidade paraibana, na aeronave C-99ª, da Força Aérea Brasileira (FAB), que tem realizado todos os embarques, ao lado da equipe técnica da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM).

Os pacientes transferidos estavam internados em cinco unidades de saúde da capital: 11 foram transferidos dos hospitais prontos-socorros 28 de agosto (6), Platão Araújo (4) e João Lúcio (1); e quatro foram transferidos dos Serviços de Pronto Atendimento (SPAs) José Lins (3) e Eliameme Rodrigues (1).

Transferências - Ao todo, já foram feitas 526 transferências, pelo Ministério da Defesa, de pacientes infectados pelo coronavírus para outros estados. Dessas, 518 foram pacientes com síndrome respiratória aguda grave (SRAG) e oito foram pacientes oncológicos. Com o embarque de hoje, são 457 pacientes transferidos de Manaus e 51 pacientes transferidos do interior.

Essa foi a terceira transferência para o estado da Paraíba e a segunda para a capital João Pessoa. Com a transferência de hoje, aquele estado já recebeu 45 pacientes do Amazonas.




PACIENTES TRANSFERIDOS

Período: 15 de janeiro a 7 de fevereiro de 2021

TOTAL: 526 pacientes


• COVID-19: 518

• ONCOLÓGICOS: 8




Transferências de pacientes Covid-19 de Manaus para outros estados: 467

Destinos:

Teresina (PI): 23 (Viagens 15 e 24/01)

São Luís (MA): 39 (Viagens 15, 16 e 19/01)

Brasília (DF): 15 (Viagem 16/01)

João Pessoa (PB): 30 (Viagens 17/01 e 07/02)

Campina Grande (PB): 15 (Viagem 03/02)

Natal (RN): 42 (Viagens 17, 20 e 30/01)

Goiânia (GO): 48 (Viagens 18/01 - tarde e noite; e 28/01)

Belém (PA): 20 (Viagem 22/01 e 04/02)

Maceió (AL): 30 (Viagens 20 e 26/01)

Vitória (ES): 36 (Viagens 21/01 - tarde e noite)

Recife (PE): 26 (Viagens 23 e 25/01)

Uberaba (MG): 18 (Viagem 24/01)

Curitiba (PR): 35 (Viagens 28/01 e 1º/02)

Florianópolis (SC): 11 (Viagem 30/01)

Palmas (TO): 17 (Viagem 31/01)

Porto Alegre (RS): 17 (Viagem 1º/02)

Santa Maria (RS): 15 (Viagem 02/02)

Rio de Janeiro (RJ): 30 (Viagens 02 e 04/02)




Transferências de pacientes de Covid-19 do interior do Amazonas para outros estados: 51

Origens/Destinos:

Tabatinga - Rio Branco e Cruzeiro do Sul (AC): 3 (Viagem 15/01)

Parintins - Belém (PA): 6 (Vagens 18 e 19/01)

Parintins - Natal (RN): 13 (Viagem 25/01)

Parintins - Curitiba (PR): 13 (Viagem 31/01)

Iranduba - Rio de Janeiro (RJ): 4 (Viagem 02/02)

Tefé - Belém (PA): 12 (Viagem 04/02)




Transferências de pacientes Não Covid-19 para outros estados: 8

Pacientes Oncológicos para cirurgia

Manaus - Rio de Janeiro: 8 (Viagem 29/01)


Postagem Anterior Próxima Postagem