Através de requerimento enviado ao Governo do Amazonas, o deputado, Felipe Souza (Patriota), indica ao Executivo a divulgação em massa nos mais variados canais de comunicação de acesso do Poder Público Estadual, dos estudos que vêm sendo realizados na região, referentes à alteração genética do Sars-Cov-2 identificado no Amazonas e chamada de ‘variante brasileira’ ou ‘variante do Amazonas’.

Nada mais justo do que os amazonenses entenderem muito bem tudo sobre essa situação que nos envolve diretamente. Precisamos saber mais acerca das novas descobertas, mas numa linguagem acessível a todos”, justificou o parlamentar.

De acordo com pesquisa realizada no Instituto Leônidas & Maria Deane (ILMD/Fiocruz Amazônia) e coordenada pelo pesquisador Felipe Naveca, se confirmado o maior potencial de transmissão dessa mutação, então devemos esperar um aumento da frequência dessas linhagens virais no Brasil e no mundo nos próximos meses.

O Amazonas possui 66 casos confirmados dessa variante, conforme informou Naveca nessa terça-feira (9). Na opinião do deputado, isso gera preocupação e a urgência no disparo de informações reais sobre o tema. “Uma sociedade esclarecida, se previne mais e combate melhor esse vírus cuja mutação pode prejudicar ainda mais os amazonenses e, consequentemente, o sistema de saúde do estado”, explicou.

Via Assessoria de Imprensa 
Em tempos de "censura" com o jornalismo independente precisamos da ajuda do nosso leitor para nos manter online. Agora você pode apoiar o Amazon Presse através do PIX: 32.688.550/0001-31. Colabore!
Postagem Anterior Próxima Postagem