A nova onda da Covid-19 no Amazonas sobrecarregou a rede pública e privada de saúde, limitando a capacidade de atendimento aos infectados. Por falta de leitos, além da transferência para outros estados, muitos pacientes têm realizado o tratamento em casa para se curar da doença.

Preocupada com o cenário, a deputada Mayara Pinheiro Reis (PP) protocolou o Requerimento 042/2021 que solicita ao Estado que custeie as despesas de fornecimento de cilindros de oxigênio aos pacientes que estão em tratamento residencial. O número de pessoas infectadas aumentou exponencialmente sem que o sistema de saúde consiga se adequar para atender a todos e consequentemente receba novas internações.

“Diante deste cenário crítico, muitas pessoas têm sido impedidas de serem tratadas nas unidades públicas de saúde, as levando a buscar tratamento em casa. Por este motivo, especialmente pensando na isonomia entre os pacientes, proponho que o Poder Executivo arque com os custos de oxigênio para pacientes em tratamento residencial contra o coronavírus”, justifica no pedido.

Além disso, a deputada também protocolou o Requerimento 040/2021 que pede o retorno do “Melhor em Casa”, um programa voltado para prevenção e tratamento de doenças e de reabilitação realizadas em domicílio, por equipes multiprofissionais. No contexto da pandemia, o atendimento serviria para acompanhar os pacientes com sintomas leves, tentar impedir a evolução grave do quadro de saúde e reduzir a necessidade de internações hospitalares. Em caso de internação, liberar leitos para pacientes em estado mais avançado da doença.

"É de suma importância o retorno do Programa, em caráter de urgência, para atender pacientes com sintomas leves ou mesmo assintomáticos, e assim reduzir o tempo de internação hospitalar, mas que necessitam de cuidados sistemáticos, podendo ser realizados em casa”, defendeu.

Os indicativos foram encaminhados ao Governo do Amazonas.

Via Assessoria de imprensa

Em tempos de "censura" com o jornalismo independente precisamos da ajuda do nosso leitor para nos manter online. Agora você pode apoiar o Amazon Presse através do PIX: 32.688.550/0001-31. Colabore!
Postagem Anterior Próxima Postagem