Ao nascermos temos nossa vida automaticamente planejada. E imediatamente uma lista de tarefas imaginária é feita, cheia de quadradinhos esperando receber um OK para cada tarefa concluída.


Tudo dentro daquela lista é um marco importante. Nascer, aprender a primeira palavra, andar, ler, vencer o campeonato de natação, etc. Durante vida adulta essa lista fica ainda mais séria e os prazos mais curtos.

E tudo isso é importante. Faz parte de quem estamos nos tornando e de quem seremos no futuro e na eternidade. Mas se deixarmos essa lista de tarefas tomar conta de quem somos, podemos perder a essência do que significar ser ‘humano’.

Em outras palavras, a vida e mais sobre o que estamos nos tornando através de nossas experiências – não somente o que estamos fazendo com o nosso tempo.

Então, apesar de ter um plano para o que faremos a cada dia, também devemos considerar o que nos tornaremos a cada dia. Como a pessoa que somos no fim do dia é um pouco diferente da pessoa que éramos no início?

Essa mudança de fazer para tornar está relacionada diretamente com as nossas escolhas.

Aqueles que verdadeiramente se tornam bondosos, compassivos e generosos, desenvolveram essas qualidades com o passar do tempo, através do acúmulo de boas escolhas.

É muito mais fácil seguir o fluxo, reagir sem pensar ao que surgi em nosso caminho, mas o fluxo geralmente não nos leva aonde realmente queremos chegar.

Um homem de meia idade, ocupado com tantas coisas para fazer, percebeu que não estava se tornando o que gostaria de ser. Ele sabia que o que realmente importava em sua vida era a sua fé, sua família e seus relacionamentos.

Mas ao passar tanto tempo construindo uma carreira, ele perdeu muitas coisas boas da vida e os momentos mais significativos.

Então com o desejo sincero e esforços diligentes, ele concentrou-se em tornar-se uma pessoa melhor. Ele não parou de fazer, mas o fazer agora tinha um propósito: ajuda-lo a ser mais paciente, amoroso e compassivo – fazer o levou a tornar-se. E isto modificou a sua vida.

Não importa o quanto precisamos conquistar, a vida nunca foi feita para ser somente uma lista de tarefas. Fomos criados para nos tornarmos algo maior do que somos agora. E o que escolhemos fazer pode nos levar até o objetivo final. É isto que significa ser um ser humano.

Postagem Anterior Próxima Postagem