O governo Federal precisa facilitar o acesso aos recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para ajudar as micro e pequenas empresas que tiveram que fechar as portas por causa da pandemia do coronavírus. A proposta é do deputado estadual Fausto Jr (PV), que vai buscar apoio dos deputados federais e senadores do Amazonas para levar a sugestão ao ministro da Economia, Paulo Guedes, e ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Fausto Jr. participou hoje da primeira Sessão virtual da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), quando parlamentares usaram um sistema de vídeo conferencia. A medida foi adotada pelo Legislativo para evitar aglomeração de pessoas no prédio da Assembleia.

Fausto Jr. disse que as micro e pequenas empresas já sentem o prejuízo com a obrigatoriedade de fechar as portas por causa do coronavírus. “São lanchonetes, bares, restaurantes e lojas de roupas e calçados, entre outros estabelecimentos que tiveram que fechar as portas por tempo indeterminado”, explica.

O deputado sugere que os recursos do BNDES sejam usados para socorrer estas empresas. “Temos que criar alternativas para ajudar os empresários neste momento difícil. O BNDES pode ser a solução”, acrescentou.

A proposta visa criar uma linha de empréstimo com juros abaixo do praticado pelas instituições bancárias. Objetivo é socorrer principalmente empresas afetadas pela retração da economia nos meses da pandemia do coronavírus.

O redirecionamento dos recursos da secretaria de Cultura do Amazonas (SEC) para o tratamento de pacientes com a Covid-19 também foi defendido pelo deputado. Ele sugeriu que parte do orçamento da SEC seja remanejado para a secretaria de Saúde do Amazonas (Susam) para ser usado exclusivamente no combate à doença e no tratamento de pacientes com coronavírus.



Via Assessoria de Imprensa

Foto: Noa Magalhães
Postagem Anterior Próxima Postagem