Os atrasos e cancelamentos de voos da MAP/Passaredo em Parintins (distante 369 km em linha reta da Capital), que traz prejuízos também para os moradores de Nhamundá (383 km) e entorno, foram debatidos na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) na manhã desta quarta-feira (11). O assunto foi levado à tribuna pela deputada estadual Alessandra Campêlo (MDB), a pedido da vereadora Vanessa Gonçalves, de Parintins, e do líder político Israel Paulain, de Nhamundá.

“Eu percebo um descaso da empresa Passaredo em relação aos voos operados aqui na Região Norte, em especial aqui no Amazonas. São voos cancelados sem nenhuma explicação e, além disso, agora tem problemas internos. Eu recebi informações de funcionários que os salários estão sendo atrasados de 10 a 15 dias em cada mês. Também não estariam sendo cumpridos acordos trabalhistas de funcionários demitidos pela MAP”, disse Alessandra em coletiva de imprensa.

Segundo a vice-presidente da Assembleia, a falta de compromisso da MAP/Passaredo atinge as pessoas que precisam fazer o deslocamento aéreo de Parintins até Manaus, seja para trabalho, turismo, visita a familiares ou tratamento de saúde. O assunto continuará a ser debatido em Audiência Pública a ser confirmada pela Comissão de Transporte da Casa.

São problemas muito graves e vou fazer uma representação ao Ministério Público Estadual para que tome providências. Vou ouvir também aqui um dos atuais donos da Passaredo, que virá participar de uma Audiência Pública aqui na Assembleia e dependendo das informações que ele der, talvez a gente torne essa representação ainda mais robusta”, afirmou a deputada, acrescentando que pedirá respostas também do Procon-AM e da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).





Nhamundá na Casa


Os atrasos e cancelamentos de voos da MAP/Passaredo em Parintins preocupa a população de toda a região do Baixo Amazonas. Cumprindo agenda na capital, o apresentador do Boi Garantido Israel Paulain reforçou as denúncias levadas à tribuna pela deputada Alessandra. Em companhia dos vereadores Zé Luís, Ivan Paulain e Geraldo Bindá, todos de Nhamundá, Israel disse que espera providências dos órgãos fiscalizadores.

“Além de prejudicar quem mora em Parintins, esses problemas no transporte aéreo também afetam a população de Nhamundá e do Baixo Amazonas. Essa foi uma das demandas que viemos tratar com a deputada nessa visita e ficamos satisfeitos ao vê-la pautar o assunto na tribuna”, disse Israel Paulain.

Via Assessoria de Imprensa
Postagem Anterior Próxima Postagem