Preocupado com a população e os efeitos da crise econômica provocada pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19), o Presidente do Podemos no Amazonas, deputado estadual Wilker Barreto (Podemos), sugeriu que Governo e a Prefeitura de Manaus adotem um plano de socorro para o fornecimento de água e energia elétrica no Estado.

Por meio de suas redes sociais neste sábado (21), o parlamentar afirmou que as duas esferas precisam criar subsídios durante o período de emergência para manter a prestação dos serviços, abater o valor do fornecimento e evitar a suspensão dos itens de consumo, considerados essenciais para a população.

“A água e a energia elétrica precisam ser mantidos durante o cenário que vivemos pelo enfrentamento ao coronavírus. Tanto Governo e Prefeitura precisam sentar com as concessionárias para criar subsídios e ajudar a população nesse momento de crise, principalmente os mais humildes e carentes que vão deixar de ter uma renda certa. Muitos são trabalhadores informais”, explicou Barreto.

O Líder da Minoria na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) citou também que outros Estados do país já proibiram o corte de água e de energia elétrica como parte das medidas para minimizar os impactos da Covid-19 na economia brasileira.

“Alguns Estados como Mato Grosso do Sul e Rio de Janeiro já proibiram a interrupção de água e energia elétrica durante o período de emergência, então o governador e o prefeito precisam entrar num consenso para deixar a sociedade amazonense tranquila durante o confinamento”, disse o deputado.



Emendas para a saúde

Na última quarta-feira (18), Barreto pediu à Mesa Diretora da Aleam que as emendas parlamentares possam ser destinadas para o interior. O objetivo é que sejam convertidas para a saúde, em especial ao combate do Covid-19.

“Precisamos olhar os nossos irmãos do interior. A saúde por lá á mais complexa que na nossa capital. Também sugeri que Governo e Prefeitura cortem gastos e destinem mais verbas para a saúde. Precisamos ser inteligentes e combater esse vírus com todas nossas armas”, finalizou.




Via Assessoria de Imprensa
Foto: Alfran Leão
Postagem Anterior Próxima Postagem