Eles alegam terem sido abandonados com a mãe pelo pai, que teria outra mulher, com quem teve um filho


Dois irmãos pistolas foram flagrados arrastando o cadáver do pai para fora do caixão, em uma vila na província de Jiangsu, no leste da China. Os irmãos alegaram terem sido abandonados com a mãe pelo pai, que teria outra mulher, com quem teve um filho. 

 De acordo com o jornal The Paper, de Xangai, antes do ato, o homem e a mulher chegaram a estapear o morto. No entanto, um afilhado do homem conhecido como Qian Hong tem outra versão da história. 

De acordo com Qian, o padrinho tinha 72 anos quando faleceu e a desavença começou quando ele se recusou a enviar dinheiro para os filhos. 

O afilhado mostrou um documento autenticado a um repórter local, que teria sido escrita pelo falecido. Trata-se de uma carta em que o homem admite ter um filho e duas filhas com a ex-esposa, a qual abandou após "um ataque de raiva", em 1983, para viver sozinho. 

Autoridades locais informaram o jornal Beijing Youth Daily que abrirão uma investigação.


 Com informações do Portal R7! 
Em tempos de "censura" com o jornalismo independente precisamos da ajuda do nosso leitor para nos manter online. Agora você pode apoiar o Amazon Presse através do PIX: 32.688.550/0001-31. Colabore!
Postagem Anterior Próxima Postagem