As pessoas que têm esses comportamentos são apenas "papagaios cristãos", afirmou Francisco


O Papa Francisco defendeu que não faz sentido ir à igreja se não se praticar os ensinamentos da Bíblia no dia-a-dia. O líder da Igreja católica deixou assim um recado àqueles a quem trata por “papagaios cristãos”, que falam muito sobre religião mas não praticam boas ações.

“Se digo que sou católico e vou à missa, mas depois não falo com os meus pais, não ajudo os meus avós ou os mais pobres, não visito aqueles que estão doentes, o meu comportamento não prova a minha fé, não vale a pena [ir à missa]”, disse à população mais jovem de Guidonia, uma vila perto de Roma.

“Aqueles que fazem isto não passam de papagaios cristãos – palavras, palavras e palavras”, afirmou o Papa, citado pelo jornal La Stampa. “A fé cristã expressa-se de três formas: com as palavras, o coração e as mãos”, acrescentou.



Postagem Anterior Próxima Postagem