Um bebê de 1 ano foi resgatado por policiais militares, em parceria com o Conselho Tutelar, no município de Uarini (distante 565 quilômetros de Manaus), após ter sido mantido em cárcere privado pelo próprio pai, um adolescente de 17 anos.

De acordo com os militares da região, a criança estava sob os cuidados do pai, quando a mãe, uma adolescente de 16 anos, foi buscar o bebê. O pai se trancou no quarto com o menino, ameaçou matar a criança e depois cometer suicídio. Rapidamente a guarnição iniciou uma diligência no intuito de resgatar a criança.

Segundo informações levantadas pela polícia, o pai do bebê havia se separado recentemente da esposa, e o menino de um ano ficou sob os cuidados do adolescente.

Diante da situação, com autorização da família, os policiais adentraram a residência e passaram a gerenciar a crise, negociando com o genitor a libertação da criança..

Após 1 hora e 20 minutos de negociação, o rapaz decidiu abrir a porta e entregar a criança à mãe. Todos foram conduzidos à sede do Conselho Tutelar para os procedimentos cabíveis.

Via G1AM 
Postagem Anterior Próxima Postagem