Unidade será a 14ª do País administrada pelo Exército Brasileiro e contará com dois pavilhões de salas de aula


Presidente da República, Jair Bolsonaro, posa para fotografia com os Alunos recém-matriculados no Colégio Militar de São Paulo - Foto: Foto: Carolina Antunes/PR

Ao participar do lançamento da pedra fundamental do Colégio Militar de São Paulo, nesta segunda-feira (3), o presidente Jair Bolsonaro defendeu que o desenvolvimento do País está diretamente ligado à qualidade do ensino oferecido aos jovens brasileiros. “Uma boa formação de profissionais, que passam pelo ensino básico, pelo ensino médio, muito contribuirá para a nossa economia no futuro”, disse durante solenidade no Campo de Marte.

O Colégio Militar de São Paulo será o 14º do País administrado pelo Exército Brasileiro. A unidade contará com dois pavilhões de salas de aula, um para o Ensino Fundamental e outro para o Ensino Médio.

“Este colégio abrigará os filhos de todos: militares das Forças Armadas, militares da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros, da Polícia Civil, civis de maneira geral, ricos, pobres, brancos, afrodescendentes, amarelos. Aqui terá espaço para todos”, garantiu o presidente.



A enfermeira Valéria Nascimento também está confiante na qualidade do ensino do colégio. Hoje é o primeiro dia de aula da filha Júlia na instituição. “Os alunos que saem desse colégio têm um desempenho superior. O próprio sistema tem indicadores de qualidade muito alta. E isso foi o principal motivo de inscrever a Júlia no colégio”, afirma.

“A disciplina é muito importante para a gente ser um bom cidadão, para aprender matemática, português, todas as coisas”, diz Júlia Nascimento.

Ainda em São Paulo, Bolsonaro participou de solenidade que marca o ingresso dos novos alunos do Colégio Militar de São Paulo. Neste ano, 82 alunos cursarão o 6º ano do Ensino Fundamental. Quando as primeiras turmas chegarem ao Ensino Médio, o que deve ocorrer em 2023, a previsão é de que as obras no Campo de Marte estejam prontas para abrigar todos os alunos da instituição de ensino.



Estrutura

Serão construídos campo de futebol com pista de atletismo e arquibancada para 800 pessoas, parque aquático, ginásio de esportes, auditório com capacidade para 300 pessoas, salas de judô e esgrima, refeitório e pátio de formatura.


Sistema Colégio Militar do Brasil

O Sistema Colégio Militar do Brasil (SCMB) é formado por 14 colégios militares que oferecem o Ensino Fundamental (do 6º ao 9º ano) e o Ensino Médio. Esses estabelecimentos de ensino, localizados em vários Estados do Brasil, propiciam educação de alta qualidade a aproximadamente 15 mil jovens.


Como ingressar

Há duas formas de ingresso nos colégios militares: por concurso público e por amparo regulamentar. Os concursos são realizados, anualmente, para o 6º ano do Ensino Fundamental e para a 1ª série do Ensino Médio. A cada ano, concorrem, em média, 22 mil candidatos, entre dependentes de militares e civis.

O ingresso por amparo, especificado em regulamento, destina-se a atender os dependentes de militares, que sofrem os reflexos das obrigações profissionais dos pais em razão das peculiaridades da carreira.




Via Secom/PR
Postagem Anterior Próxima Postagem