A mobilização de apoiadores da criação do Aliança pelo Brasil - sigla capitaneada pelo presidente Jair Bolsonaro - lotou o auditório do Dulcila, na manhã deste domingo (16). Sob a coordenação do deputado estadual Delegado Péricles, o evento reuniu nomes da política local e nacional em cerimônia e mobilizou centenas de outras interessadas em oficializar o apoiamento à sigla do presidente.

“Somos aqui a demonstração pública de que o presidente Bolsonaro tem sim pessoas que reconhecem o avanço que nosso país tem conquistado sob seu governo. Posso citar a taxa de juros no menor patamar da história, o início da concretização da nossa BR-319, a queda significativa da criminalidade em nosso país. E vamos avançar ainda mais”, disse o deputado.

De acordo com o parlamentar, a coleta de assinaturas já acontece em pontos diferentes pela capital amazonense e deve continuar nas próximas semanas. “Assim como em todo Brasil, seguiremos até completar as 500 mil assinaturas necessárias para a criação do Aliança. O Brasil precisa de um partido que na sua essência valorize a família, preserve seus ideais”, continuou.

Entre os políticos presentes, o deputado federal Carlos Jordy reforçou a importância de o Norte do país já tomar contornos ainda mais fortes de direita. “O povo amazonense está de parabéns por toda a expressiva mobilização que tem feito em torno da coleta de assinaturas para a criação do Aliança. Estou aqui para unir forças com o Péricles e juntos seguimos nessa luta”, disse.

O deputado federal capitão Alberto Neto também esteve presente e ressaltou a importância da união de forças neste momento. “O presidente precisa de um grande partido e a população brasileira entendeu isso. O Amazonas tem abraçado essa ideia. Estamos unidos para ajudar nosso país, seja com representantes do parlamento federal, eu e o Carlos Jordy; ou o estadual, com o Delegado Péricles. Estamos unidos nesta missão por um país melhor sob o comando do presidente Bolsonaro”, afirmou. 



Quem esteve no evento neste domingo pode sair do local com apoiamento oficializado, mas os que não puderam comparecer podem baixar a ficha de apoiamento no site do Aliança e registrar em cartório de notas.
Postagem Anterior Próxima Postagem