Vagas podem ser reservadas pelo site, com entrega da documentação na escola escolhida em até três dias.




Os pais e responsáveis de crianças e adolescentes com deficiência que vão iniciar o ensino na rede pública em 2020 serão os primeiros a poder realizar a reserva de vagas. No período de 10 a 13 de janeiro, eles poderão acessar online ou realizar o procedimento presencialmente.


No caso de alunos com deficiência, é preciso apresentar laudo médico, além das demais documentações, em até três dias na escola para qual a vaga foi solicitada. Entretanto, a ausência do laudo não impede a matrícula, podendo o documento ser entregue posteriormente.


Os atendimentos presenciais podem ser realizados em qualquer escola pública, dentro do prazo estipulado, das 8h às 17h.


Pela internet, os pais só precisarão entrar no site e preencher as informações para solicitar a vaga na escola e ano de ensino do estudante novato. Após encerrar o procedimento no portal, é preciso apresentar, na unidade de ensino escolhida, os documentos do novo aluno para concluir a matrícula.




Educação Especial



Ao todo, a Secretaria de Estado de Educação e Desporto possui 179 escolas no Amazonas que desenvolvem especificamente a política de inclusão, recebendo estudantes surdos, deficientes auditivos, deficientes visuais, autistas, com deficiência de mobilidade, entre outras.
Via G1
Postagem Anterior Próxima Postagem