A vice-presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputada Alessandra Campêlo (MDB), exaltou as recentes conquistas dos trabalhadores do setor de extração e produção de juta e malva do interior. Na próxima segunda-feira (25), a parlamentar confirmou que estará em Codajás (a 297 km de Manaus) no evento em que o governador Wilson Lima (PSC) entregará os cheques simbólicos referentes à segunda parcela do pagamento da subvenção da juta e malva.


Segundo a Agência de Desenvolvimento Sustentável (ADS), o pagamento da subvenção econômica da juta e malva vai beneficiar mais de 400 produtores rurais de 12 municípios: Anamã, Anori, Beruri, Caapiranga, Coari, Codajás, Iranduba, Itacoatiara, Manacapuru, Manaquiri, Nhamundá e Parintins.


No total, serão injetados na economia R$ 2.193.950,48 referentes ao pagamento das safras de 2015/2016 até 2018/2019, incluindo juticultores que não conseguiram entregar a documentação necessária para o pagamento realizado no mês de junho. No pagamento da primeira parcela, no mês de junho, em Manacapuru, o Governo do Estado disponibilizou aos produtores um total de R$ 3.534.678,22 referentes ao pagamento das safras de 2014/2015 até 2017/2018.




Essa era uma luta do nosso mandato desde 2015, quando nos reunimos diversas vezes com os representantes dessa categoria em Manaus e Manacapuru. Fico feliz por participar da base de um governo que realmente assumiu o compromisso de valorizar a produção rural, abraçando as causas do homem e da mulher do campo

 enalteceu a deputada Alessandra


Via Assessoria de Imprensa
Postagem Anterior Próxima Postagem