Bolsonaro participou nesta quarta-feira do Fórum da Iniciativa de Investimento Futuro e de seminário empresarial





O presidente da República, Jair Bolsonaro, apresentou, nesta quarta-feira (30), a empresários no Fórum da Iniciativa de Investimento Futuro, em Riade, na Arábia Saudita, as reformas em curso no Brasil e afirmou que o país é um porto seguro para investimentos. Para Bolsonaro, os países atualmente não podem ser autossuficiente, mas sim interdependentes.


Nunca tivemos uma taxa de juros tão baixa, na casa, de 5,5%. A nossa inflação está abaixo da meta, de 3%, ou beirando isso. O risco Brasil nunca esteve tão baixo. O desemprego vem caindo. A reforma da Previdência, muitos ou alguns reclamam, mas é o remédio que tínhamos que aplicar para que o Brasil sobrevivesse. O Brasil tem muito a lhes oferecer
destacou o Presidente



Seminário empresarial


O presidente Jair Bolsonaro também participou, nesta quarta-feira (30), da abertura do Seminário Empresarial sobre o Brasil no Conselho das Câmaras Sauditas, onde destacou a importância da integração entre os países. "Se juntarmos Brasil e Arábia Saudita, nada nos falta. Como não nos falta vontade de integrarmo-nos cada vez mais, através do comércio, do bilateralismo, cada país, suprir a necessidade do outro."


O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, destacou que há uma grande convergência entre os dois governos, entre os dois setores privados como poucas vezes se identificou no mundo, e que os dois países vivem um momento de profunda transformação. “Nós temos uma visão de um país sem corrupção e com crescimento econômico. Para isso precisamos, entre outras coisas, de abertura econômica, de abertura comercial e dos investimentos e parcerias internacionais.”



Para o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, a partir das relações com a Arábia Saudita, o Brasil pode ser o canal para atingir outros países da Ásia e da África. “Na medida em que a Arábia Saudita pode e será, nessa parceria, uma plataforma para o Brasil atingir a Ásia, poderemos ser, sim, a plataforma para a América Latina para atender os interesses de expansão, inclusive, da economia da Arábia Saudita.”



Lorenzoni ainda acrescentou. “Nós estamos reduzindo o tamanho do governo brasileiro, estamos simplificando a legislação, desburocratizando o Brasil e definitivamente.”


Em Riade, Brasil e Arábia Saudita assinaram acordos de cooperação


Após passar por Japão, China, Emirados Árabes, Catar e Arábia Saudita,o presidente volta ao país. Confira como foi o última dia de viagem em Riade:




Via SECOM da Presidência da República
Postagem Anterior Próxima Postagem