Aprovado por unanimidade, na última sessão plenária, (10), o Projeto de Lei, de autoria do deputado Roberto Cidade (PV), que torna as mais de 80 cachoeiras e grutas catalogadas de Presidente Figueiredo como patrimônio histórico e cultural do Amazonas.

De acordo com o parlamentar, é preciso valorizar e cuidar das riquezas naturais que do Amazonas, por isso, o projeto vem dar garantia em manter a identidade local, história e cultura, bem como, chamar o poder público para ser o fiscalizador desse patrimônio.

“Precisamos cuidar e proteger nossas riquezas naturais e em Presidente Figueiredo temos lindas cachoeiras e grutas, que precisam de nossa total atenção. Com esse projeto estaremos cuidando para que a paisagem que atraí tantos turistas esteja de fato, a salva das ações degradáveis do homem”, pontuou.

As cachoeiras, como a do Santuário, da Pedra Furada, da Onça, da Porteira e as grutas como a do Batismo, na Vila de Balbina e a caverna do Maruaga, que antigamente era utilizada para rituais e sacrifícios indígenas, estão entre os pontos mais procurados pelos turistas em Presidente Figueiredo.

O Projeto foi aprovado e segue para a sanção do governador Wilson Lima.

Postagem Anterior Próxima Postagem