Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) homenageou, nesta sexta-feira (11), os Mestres de Cerimônias Institucionais do Estado. A solenidade aconteceu durante Sessão Especial, de autoria do deputado Wilker Barreto (Podemos), no Plenário Ruy Araújo. Na ocasião, 33 mestres de cerimônias foram agraciados com Certificados de Honra ao Mérito.

Um dos homenageados, o mestre de cerimônias da Aleam, Francisco da Silva dos Santos, falou em nome dos colegas de profissão. Da tribuna, Silva Santos agradeceu ao deputado Wilker Barreto pela iniciativa de propor a comemoração. Ele ressaltou ser motivo honra para a categoria o reconhecimento do Poder Legislativo, na pessoa do parlamentar.

Silva Santos aproveitou a oportunidade para pedir o apoio dos mestres de cerimônias para a aprovação da criação da Associação Amazonense de Mestres de Cerimônias (AAMC). O apresentador de eventos da Aleam, há sete anos, convidou todos os presentes para participar da primeira reunião preparatória para formação da entidade, que acontecerá no dia 18 de novembro. Ele acrescentou ainda que, após a fundação da Associação, a próxima bandeira de luta será inserir a disciplina com a temática mestre de cerimonias nos cursos de comunicação social do Estado.

O deputado Wilker Barreto expressou felicidade em poder homenagear os mestres de cerimônias e fazer parte da história deles no Amazonas. O parlamentar se colocou à disposição da classe para auxiliar na criação da AAMC. “Fico feliz de poder estar fazendo parte da história, mais ainda por poder ajudar na criação da Associação”, afirmou.

Wilker Barreto argumentou que ser mestre de cerimônias exige total preparo cotidiano, e que os profissionais têm uma missão social a cumprir. “Que vocês possam ser referência para a juventude que está iniciando. Acredito que este dia é de reflexão, discussão e propositura para a profissão. Parabéns a todos!”, desejou o deputado, lembrando a data oficial em que se reverencia no Estado o Mestre de Cerimônias.

O Dia Estadual do Mestre de Cerimônia é comemorado em 20 de julho, conforme dispõe a Lei nº 4.715, de 18 de dezembro de 2018, que consagrou a data no Calendário Oficial do Estado. A referida Lei é resultado do Projeto de Lei nº 111/18, de autoria do então deputado Wanderley Dallas.


O que faz

O Mestre de Cerimônias é o condutor de um evento público ou privado. A ele compete conduzir a solenidade com segurança, do início ao fim, impondo boa postura e firmeza na voz. Geralmente interage com a plateia, fazendo com que a cerimônia se mantenha movimentada. Também é o profissional responsável por transmitir tranquilidade aos anfitriões, deixando-os livres para aproveitar o momento.


Via Diretoria de Comunicação

Postagem Anterior Próxima Postagem