Gabi Farias apresenta ‘VAZANTE’, onde fala sobre renovação e a busca por sonoridades em um mix da nova mpb com as raízes amazônicas



Natural de Manaus com criação itacoatiarense, Gabi Farias relata suas experiências de vida através de quatro faixas em seu EP de estreia intitulado “VAZANTE”. Com data de lançamento em todas as plataformas de streaming marcada para o dia 25 de outubro, às 20h na Casa Criativa Villa Vagalume 80, no bairro Dom Pedro, o público terá direito a pocket show da artista e exibição do clipe “Meu Lugar”, música que compõe o trabalho.

Essas músicas são um grande reconforto pra mim mesma, como um ‘vai dar tudo certo’... E essa é a minha tentativa, de que elas cheguem em outras pessoas como chegaram para mim, disse a artista.


O projeto é dividido em 2 fases, a segunda que será chamada “ENCHENTE” é composta inteiramente por participações de outros artistas locais, e tem previsão de lançamento para próximo ano, mostrando a dicotomia entre os EP’s. Nessa primeira etapa, Gabi acredita estar se permitindo em uma busca solo as novas propostas da vida.

A ideia de vazante é exatamente essa, é o que está se deixando ir e ser levado para outros encontros, preparando-se para novos ciclos, por isso faço essa associação as águas e esse período que é conhecido de nossos rios. Quero representar justamente isto, a fluidez e transmutação dos rios, fazendo um paralelo com meus sentimentos das trajetórias da vida, explica. 


Track By Track

O projeto é composto por 4 faixas, uma delas já é conhecida de seu público e possuiu até videoclipe denominada “Só”, onde faz um reflexão sobre sua própria solitude. Já “Meu Lugar”, que é a segunda faixa a ganhar uma produção audiovisual, é uma carta de amor e homenagem a terra onde foi criada.

Para falar de voltas, Gabi compôs “Revinda” em um aviso para si mesma de que tudo passa, trazendo à tona aquele momento do dia onde apenas precisamos parar e olhar ao redor para perceber que um novo dia sempre vem. Em “Sopro”, a artista nos mostra sua visão sobre outras experiências e a marca que o tempo causa nelas.

Todas as quatro músicas buscam traduzir uma sonoridade experimental contemporânea que vai desde o pop, passando pela eletrônica e repousando nos traços da chamada Nova MPB, sem deixar de contemplar os aspectos Amazônicos presentes desde sempre na sua trajetória musical.





Sobre A Artista
Gabrielle Farias, manauara, cantora, compositora e instrumentista, estudante da graduação em Música na UFAM, há quatro anos atua no cenário artístico Manauara, participando de orquestras, corais, festivais, e apresentações solo. 




Ficha Técnica
Gabi Farias – Cantora e Compositora

Viktor Judah – Produtor Musical

Abner Pires – Violão na faixa “Revinda”

Matheus Mota – Diretor no Videoclipe “Meu Lugar”


Fotos: Demi Brasil
Postagem Anterior Próxima Postagem