A Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), através de propositura do deputado estadual Roberto Cidade (PV), aprovou, por unanimidade, na manhã desta quarta-feira (14), a outorga da Medalha Ruy Araújo ao desembargador Ernesto Chíxaro, magistrado que em maio de 2017 passou a ocupar a vaga nº 23 na Corte Estadual de Justiça. A propositura é do deputado estadual Roberto Cidade (PV).

Natural do município de Humaitá (distante 696 quilômetros de Manaus), Ernesto Anselmo Queiroz Chíxaro tem 60 anos, é formado em Direito pela Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e tem mais de 25 anos de atuação na magistratura amazonense. Iniciou a carreira nas Comarcas de Lábrea, Tapauá e Itacoatiara. Como juiz, também atuou na Vara Especializada em Crimes de Trânsito, além da 3ª Vara Criminal e Vara de Registros Públicos e Usucapião. Foi titular da 1ª Vara da Fazenda Pública Estadual, fez parte, ainda, da turma recursal do Juizado Especial do TJAM e foi juiz auxiliar da Corregedoria Geral de Justiça (CGJ).

O Desembargador Ernesto Chíxaro tem prestado relevantes serviços ao povo do Amazonas, seja atuando nas comarcas do interior, seja atuando na capital. Temos um servidor público da mais alta corte da Justiça do nosso Estado, que dedicou toda uma vida e carreira a fazer e aplicar a Justiça, totalmente comprometido, dedicado com suas funções, além de sempre estar acompanhado da ética, responsabilidade, independência e sensibilidade ao proferir suas decisões
afirmou o deputado Roberto Cidade.

A Medalha Ruy Araújo é a mais alta comenda outorgada pela Aleam a uma pessoa por se distinguir por seus méritos no meio político, jurídico ou cultural e demais segmentos da sociedade amazonense. Ela foi instituída por iniciativa da então deputada Socorro Dutra Lindoso, mediante a apresentação do Projeto de Resolução Legislativa n° 01, de 13 de março de 1981.


Via: Assessoria do Deputado

Postagem Anterior Próxima Postagem