Em busca de ajudar no desenvolvimento econômico da região do Alto Rio Negro, o deputado estadual Wilker Barreto (PHS) esteve no município de Santa Isabel do Rio Negro (distante 846 km de Manaus), na última sexta-feira e sábado, dias 5 e 6, reunido com empresários e produtores rurais na feira AgroShow Conexão Empreendedora do Sebrae.

O fortalecimento da economia e os projetos para atrair investimentos deram o tom da conversa na feira que visa promover atividades empreendedoras e gerar negócios em Santa Isabel, Barcelos e São Gabriel da Cachoeira. “Ter a discussão com o setor primário é preciso. Hoje o governo está distante do setor. Quem conhece a cidade é o próprio morador. O que mais ouço são relatos que órgãos como Idam (Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável), ADS (Agência de Desenvolvimento Sustentável), Sepror (Secretaria de Produção Rural) e Afeam (Agência de Fomento do Estado) estão distantes do produtor rural e não conversam entre si. É preciso olhar com mais carinho para quem tem potencial de elevar a economia e gerar emprego na região”, alertou.

Presidente da Comissão de Indústria, Comércio e Zona Franca da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), Barreto prometeu conversar com os órgãos responsáveis (Idam, ADS, Afeam e Sepror) para realizar um grande debate e destravar a economia do Alto Rio Negro. “Aqui em Santa Isabel, como muitos outros municípios, existe uma gama de produtores e empreendedores com potencial para exportar seus produtos. Isso só não ocorre porque falta um direcionamento. Muitos não sabem nem como montar uma cooperativa. Está faltando diálogo por parte do governo. O agricultor não pode perder sua produção ou vender a custo zero. Vou conversar com as secretarias e fazer esse encontro e debate aqui na região em conjunto com a Comissão de Industria, Comércio e Zona Franca”, afirmou.

Vivo 
A constatação de uma internet móvel inexistente e telefonia ineficiente no município de Santa Isabel, que possui pouco mais de 23 mil habitantes, por parte da empresa Vivo — principal operadora do Estado — fez o deputado Wilker criticar duramente a empresa. O parlamentar chamou a operadora de estelionatária, na manhã desta segunda-feira (08), no plenário da Aleam. Somente a operadora Claro fornece internet 4G para o município, mas de forma precária.

“A Vivo está fazendo um estelionato. O interior e nós estamos pagando por um serviço que não é realizado. Eu me sinto lesado, pois pago a empresa para ter internet e telefonia funcionando não só em Manaus, mas em todo o Amazonas. Estamos falando em desenvolver e fortalecer a economia no município. Aí você chega no comércio para passar o cartão de crédito na máquina e não consegue porque não tem internet. Imagina o sofrimento do empresário e do morador.  Há anos é assim em Santa Isabel. Isso tem que acabar. A internet não funciona e a telefonia é precária. Se queremos fortalecer a economia, isso tem que mudar”, criticou o parlamentar.


Via Assessoria do Deputado
Fotos: Wilkinson Cardoso


Postagem Anterior Próxima Postagem